segredos

O Que é o Sinistro Do Seguro e o Que Fazer Caso Aconteça?

Posted on Postado em Financiamento de Veículos

Comprar um automóvel exige algumas obrigações como o pagamento de impostos, gasolina, mecânica e, principalmente, o seguro.

Essas obrigações não podem ser deixadas de lado e, se tratando do seguro, ele é essencial em casos de acidentes para que você não saia prejudicado, com uma alta dívida de conserto do carro ou precise comprar um veículo novo. 

No momento em que você realiza o seguro automotivo, precisa saber de algumas informações, dentre elas, sobre o sinistro. Então, caso você não saiba o que ele significa e o que fazer, caso aconteça alguma coisa, não se preocupe.

Nesse artigo separamos as principais informações que você precisa sobre esse assunto. Continue acompanhando.

 

O que é sinistro?

Sinistro é quando ocorre algum acidente com um veículo que está segurado. Na apólice, esse termo vem descrito e são especificadas quais situações a seguradora cobre.

No momento da contratação, o contratante poderá verificar quais são os pacotes disponíveis, e decidir qual deseja contratar, sendo que, existem alguns mais completos e outros não.

Então, resumidamente, podemos entender como sinistro um momento em que o seu carro é danificado ou roubado. Caso você não tenha contratado um plano mais completo ou até mesmo uma seguradora, dependendo do que tenha acontecido, não será possível ter a dívida coberta, e você precisará  arcar com o prejuízo.  Por esse motivo, contratar um seguro automotivo é um passo muito importante. 

Quais são os tipos?

Quando ocorre um acidente de veículo, a seguradora irá avaliar o dano para definir qual foi o tipo de sinistro e, a partir disso, estabelecer o que será feito. Atualmente existem dois tipos de sinistro: o parcial e o integral.

Veja a seguir o que significa cada um.

  • Parcial: o sinistro parcial é quando o veículo obteve alguns danos, mas ainda é possível consertá-lo por meio de reparos. 
  • Integral:por outro lado, o integral é quando ocorreu alguma colisão, não sendo possível de recuperar o veículo, ou quando o automóvel foi roubado. 

Conforme citado, a seguradora precisará realizar uma vistoria, a fim de avaliar quais foram os danos do veículo. Caso o automóvel tenha mais de 75% de dano, já é considerado uma perda total ou integral, uma vez que os custos para a reforma serão muito altos, fazendo com que a compra do bem seja uma alternativa melhor. 

Quais são as situações em que se pode ocorrer o sinistro?

Existem várias situações em que se pode ocorrer o sinistro e, que com seguro, o veículo é recuperado. Dentre as situações, as mais comuns são: batidas entre carros, pane do veículo por falta de manutenção, roubo, quebra de vidro e incêndio. 

Em casos de acidentes, quando ele é provocado por um terceiro, pode ser que a sua seguradora também se responsabilize pelo dano.

Isso acontece porque existem planos que oferecem cobertura por danos realizados por pessoas terceiras que minimizam o estresse e problemas com outras pessoas. 

O que fazer caso aconteça?

Antes de tudo, se você possui um veículo que não possui seguro, é essencial que você comece pesquisando as opções disponíveis na sua cidade para contratar um.

O seguro de veículo será essencial caso ocorra qualquer imprevisto, evitando que você tenha complicações financeiras.

Com o seguro em dia, se porventura acontecer algum sinistro, como uma batida ou roubo, o primeiro passo que você precisa realizar é entrar em contato com a sua seguradora. Ligando para ela, você vai explicar o que aconteceu e pedir o auxílio necessário. 

As seguradoras estão disponíveis 24 horas por dia para atender casos em que o veículo para de funcionar em um horário não comercial, por exemplo.

Depois de entrar em contato, ela vai auxiliar você nas próximas etapas. Em caso de acidentes ou problemas no carro, normalmente ela vai até o local buscar o veículo danificado.

Após pegar o veículo, ela irá  solicitar uma vistoria para verificar os custos de manutenção. Mas todo esse processo pode variar de acordo com cada empresa, por isso, na dúvida, basta pedir orientação para um dos representantes da sua seguradora. 

 

Como contratar uma seguradora com segurança?

Conforme citamos, contratar um seguro auto é importante quando se tem um veículo, mas para isso, é preciso ter atenção para encontrar uma empresa que ofereça uma cobertura necessária para aquilo que você precisa, e com um preço que caiba no seu bolso.

Então, para realizar uma contratação com segurança, a primeira etapa é fazer uma análise de mercado, verificando as opções de seguradoras disponíveis na sua região e, com as informações em mãos, compará-las.

Durante a comparação, você deve verificar a avaliação dos clientes, o preço dos serviços e o que oferece cada um dos seguros..

Depois disso,  entre em contato com as seguradoras selecionadas para avaliar como elas trabalham. Pergunte sobre o contrato para que você não tenha qualquer surpresa depois.

Por fim, verifique as suas condições financeiras e, caso ainda falte recursos, você pode buscar formas de economia para conseguir adicionar o seguro nas contas do mês.  

Você já conhece a Mais Credit?

A Mais Credit Consultoria é uma empresa especializada em revisão de contratos de financiamento de veículos. O seu objetivo é reduzir os juros abusivos que podem estar no seu contrato de financiamento, uma vez que o Brasil ainda é considerado campeão em juros abusivos. 

Hoje a Mais Credit já conseguiu recuperar mais de 10 milhões de reais em juros e, através dela, é possível obter até 70% de desconto na quitação do veículo e 30% de desconto no valor das parcelas.

Portanto, se você não sabe se é vítima de juros abusivos, aproveite para solicitar a revisão contratual entrando em contato com os representantes da empresa. O processo é gratuito!