Negociação Amigável

Negociação Amigável: Quando é hora de partir para ação amigável?

Posted on Postado em Financiamento de Veículos

Negociação Amigável, Quando é hora de partir para ação amigável?  Talvez você nunca tenha ouvido falar desse termo, ação amigável, mas temos certeza que ele é mais comum do que você imagina. Se você tem um financiamento de veículo, então as chances de conhecer esse tipo de processo são ainda maiores.

Infelizmente existem muitos problemas ligados ao financiamento de veículos, sobretudo relacionados a altas taxas de juros abusivos. O Brasil é muito conhecido por essa prática ilegal, o que não é de se espantar.

No entanto, poucas pessoas sabem o que fazer em casos como esses. A grande esmagadora população brasileira não sabe nem por onde começar para resolver problemas ligados a juros abusivos. Muitas delas querem falar diretamente com a instituição financeira, o que convenhamos, não irá resultar em nada.

Pensando nesses problemas é que decidimos escrever um artigo para te contar quando é hora de partir para ação amigável. Nós queremos que você fique longe dos problemas relacionados ao financiamento do seu veículo, por isso queremos te ajudar neste assunto.

Neste texto você vai conhecer o que é e como funciona a ação amigável, quais são as principais vantagens desse tipo de processo e quando é momento de fazê-lo. Esse artigo é recheado de conteúdo relevante para você que quer ficar livre dos juros abusivos.

Está preparado para saber mais sobre a ação amigável? Continue acompanhando a leitura do texto conosco.

Negociação Amigável

Ação amigável: o que é isso?

Se você nunca ouviu falar em ação amigável, a hora é agora, sobretudo se você está enfrentando problemas de pagamento com o seu financiamento de veículo. Para começar este artigo, vamos te explicar do que se trata esse termo. Veja só:

A ação amigável, ou negociação extrajudicial, como é mais conhecida, é um tipo de processo que pode substituir a ação judicial. A verdade é que apesar de também se tratar de um processo, ele é mais fácil de lidar do que uma ação judicial é capaz.

Isso porque a negociação amigável veio para resolver problemas mais “simples”, sem que haja a necessidade da presença de um advogado ou juiz. Pois é, você não leu errado. Para que uma ação amigável aconteça, não é necessário que um juiz esteja presente para dar o seu veredito.

É por esse e outros motivos que a ação amigável é um processo muito menos burocrático e mais prático de lidar. Em casos como problemas com instituições financeiras, juros abusivos no contrato de financiamento, a negociação extrajudicial é a melhor escolha para a solução.

Tudo o que precisa é que as partes envolvidas entrem em um acordo para a resolução do problema que ambas enfrentam. Tudo é feito fora dos tribunais o que exige menos gastos e menos tempo.

Bem melhor, não é mesmo? Inclusive, esse tipo de processo é incentivado até mesmo pela própria justiça. O objetivo é que o tribunal foque apenas em problemas mais graves e que de fato dependem da decisão de um juiz.

Qual a hora para fazer uma ação amigável?

Uma dúvida comum entre as pessoas que tem um financiamento de veículo e enfrenta problemas com ele, é quando deve realizar o pedido de uma ação amigável para tentar resolver o problema. Bom, o ideal é o quanto antes.

Se você está tendo problemas no seu financiamento e conversar diretamente com o gerente da instituição financeira não está resolvendo, então provavelmente este é o momento de entrar com uma ação amigável.

Uma dica que podemos te dar, é conversar com um de nossos especialistas e compartilhar o problema que você tem enfrentando. Assim, ele poderá te orientar melhor de acordo com o seu caso quando ou se já é o momento de realizar uma ação amigável.

Vantagens da ação amigável

Como já mencionamos no tópico anterior, uma ação amigável não exige que o problema seja resolvido diante um tribunal. É aí que está uma das grandes vantagens, esse tipo de processo consegue sair mais barato do que uma ação judicial.

Por se tratar de uma negociação sem a presença de um juiz ou até mesmo de advogados, ela consegue ser menos burocrática, interessante não é mesmo?

Além disso, sabemos que uma ação judicial pode levar até anos para que o caso seja resolvido, não é mesmo? Isso não acontece com a negociação extrajudicial. Isso significa que o seu problema pode ser resolvido em menos tempo do que você previa, pode ser em até semanas ou meses. Tudo vai depender do acordo que você realiza com a instituição financeira.

A Mais Credit Consultoria pode te ajudar

É muito comum que algumas instituições financeiras cobram juros abusivos nos contratos, o que resulta em parcelas altíssimas. A Mais Credit existe para te ajudar nesses casos. A Mais Credit é uma empresa especialista em encontrar juros abusivos do seu financiamento. Nós te ajudamos a resolver essa situação sem precisar de muita burocracia. 

Se você tem um veículo financiado, é essencial que você faça a análise contratual dele, pois infelizmente o Brasil é um dos países que mais cobram taxas de juros abusivas do mundo.

Ao passar pelo processo de análise do contrato do seu financiamento, podemos te orientar e oferecer o melhor caminho para seguir e sair de uma vez por todas das dívidas. Esse processo é gratuito, basta entrar em contato conosco através do nosso Whatsapp (11) 96882-7012 ou até mesmo pela nossa central de atendimento 0800 580 0910.

Além disso, contamos com diversos conteúdos sobre esse e outros assuntos em nosso site. Uma vez que a Mais Credit se preocupa com o conhecimento de todos, você pode encontrar informações de fácil acesso e de forma didática em nosso Instagram e no nosso Facebook.

Em nosso canal do Youtube você consegue conhecer histórias dos nossos maiores cases de sucesso, além de outros assuntos muito relevantes sobre o nicho de financiamento de veículos.

Em nosso site, também temos um espaço dedicado aos cases de sucesso da empresa em que você pode ter acesso ao depoimento de cada um que ajudamos. Para ter acesso a essas histórias, basta clicar aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *