Negociação Amigável: Como Você Deve Agir

Posted on Postado em Negociação extrajudicial

Apesar de ser algo bem simples quando se trata de resolver algum assunto, as pessoas ainda têm bastante dúvidas sobre a negociação amigável. Afinal de contas, não é todo mundo que sabe que poderá resolver seus problemas através desse tipo de processo.

 

O momento de fazer uma negociação extrajudicial, como também é conhecida, pode reservar algumas surpresas e surgir alguns questionamentos. É por isso que esse texto irá retratar sobre o que você deve saber no momento de fazer uma negociação amigável.

 

É importante ter em mente que esse tipo de negociação costuma acontecer quando não se vê a necessidade de todo o trâmite no tribunal, como uma ação judicial, por exemplo. Isso significa que a a ação amigável é feita justamente para resolver o problema em questão o mais rápido e tranquilo possível.

 

Nesse texto vamos te mostrar o que você deve ter em mente na hora de estar negociando em um processo amigável. Afinal, seus direitos estão em jogo.

 

Então, para conseguir entender melhor sobre o assunto, recomendamos que você preste atenção às nossas dicas. Continue acompanhando a leitura conosco e saiba mais.

Negociação amigável

Você está lutando pelos seus direitos

Como já mencionamos no início desse texto, algo que deve estar bem claro na sua mente é o seguinte: em uma negociação amigável você está lutando pelos seus direitos. Exatamente por isso, você deve estar disposto a resolver a situação.

 

A negociação extrajudicial serve para que ambos os lados que estão com problemas, o resolvam da melhor forma possível. Isso significa que ambos precisam entrar em um acordo, mas de forma alguma você deve abrir mão do que é seu por direito.

 

Não aceite condições que podem prejudicar você ou sua vida financeira, por exemplo. Tente conversar mostrando seu lado e explicando toda a situação. Seja honesto, o resultado pode te surpreender.

Você deve fazer sua proposta

Como você já sabe, uma negociação amigável não tem um juiz para decidir a sentença, quem ganha ou quem deve pagar o que, por isso você precisa saber fazer a sua própria proposta.

 

Seja justo, isso é óbvio, mas entenda suas limitações de seja sincero sobre as condições de resolução de pagamento para quitar a dívida do seu financeiro.

 

Mostre que você está disposto a resolver o problema e a pagar o que deve. Vá com a proposta pronta, tenha detalhes, explique e se oriente para saber melhor como resolver esse problema.

Mas também deve analisar a proposta da empresa

É importante ter a sua própria proposta, mas também é legal que você analise o que a empresa tem a oferecer. Vai que, em uma situação como essa, a proposta dela seja melhor e mais vantajosa que a sua, por exemplo?

 

Por esse motivo é sempre bom estar aberto a novas possibilidades. Lembre-se: uma instituição financeira pode estar acostumada a fazer esse tipo de acordo, mas você não. Por isso, mesmo que você escute o que ela tem a propor, é melhor que você analise primeiro as condições.

 

Você já passou da fase de aceitar um acordo e até mesmo assinar um contrato sem antes ler o que está sendo acordado. Agora não é hora de cometer erros. É momento de buscar por soluções viáveis para você e seu bolso. 

Vocês podem não conseguir chegar em um acordo

Você precisa manter os pensamentos abertos, afinal tudo pode acontecer em uma negociação desse tipo, inclusive não ter o problema resolvido. Sim, é exatamente isso que você acabou de ler. 

 

Apesar de ser um tipo de processo simples e que busca a resolução do problema de forma tranquila, a negociação amigável não garante que tudo seja resolvido.

 

Acontece que ambas as partes podem não conseguirem entrar em um acordo. De ambos os lados não concordarem em nada e consequentemente não encontrarem uma saída amigável para o problema. 

 

Nesse caso, o melhor a se fazer é recorrer ao processo tradicional com advogados e juízes. Estamos falando da ação judicial.

 

Antes de tomar qualquer decisão, recomendamos que você converse com um especialista no assunto. Só ele poderá te orientar da melhor forma possível para que você consiga resolver o problema com o seu financiamento.

 

A Mais Credit pode te ajudar nisso, uma vez que somos uma empresa que também presta consultoria sobre negociações amigáveis e problemas com financiamentos. No próximo tópico, você pode conferir melhor sobre como trabalhamos e como podemos te ajudar. Após a leitura, caso precise dos nossos serviços entre em contato o mais rápido possível com um de nossos consultores.

Saiba melhor quem é Mais Credit Consultoria

É muito comum que algumas instituições financeiras cobram juros abusivos nos contratos, o que resulta em parcelas altíssimas. A Mais Credit existe para te ajudar nesses casos. A Mais Credit é uma empresa especialista em encontrar juros abusivos do seu financiamento. Nós te ajudamos a resolver essa situação sem precisar de muita burocracia. 

Se você tem um veículo financiado, é essencial que você faça a análise contratual dele, pois infelizmente o Brasil é um dos países que mais cobram taxas de juros abusivas do mundo.

Ao passar pelo processo de análise do contrato do seu financiamento, podemos te orientar e oferecer o melhor caminho para seguir e sair de uma vez por todas das dívidas. Esse processo é gratuito, basta entrar em contato conosco através do nosso Whatsapp (11) 96882-7012 ou até mesmo pela nossa central de atendimento 0800 580 0910.

Além disso, contamos com diversos conteúdos sobre esse e outros assuntos em nosso site. Uma vez que a Mais Credit se preocupa com o conhecimento de todos, você pode encontrar informações de fácil acesso e de forma didática em nosso Instagram e no nosso Facebook.

Em nosso canal do Youtube você consegue conhecer histórias dos nossos maiores cases de sucesso, além de outros assuntos muito relevantes sobre o nicho de financiamento de veículos.

Em nosso site, também temos um espaço dedicado aos cases de sucesso da empresa em que você pode ter acesso ao depoimento de cada um que ajudamos. Para ter acesso a essas histórias, basta clicar aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.