como melhorar a sua vida financeira

Entenda como melhorar a sua vida financeira em 4 passos

Posted on Postado em Dicas e Dúvidas

Quer aprender a como melhorar a sua vida financeira em 4 passos simples?

Você já se pegou pensando: “eu preciso gastar menos com juros”? Aposto que sim. E organizar sua vida financeira é a melhor saída para não ter que comprar um carro ou apartamento e acabar pagando por três.

Seja você um profissional bem remunerado ou mesmo dono do seu próprio negócio, nem sempre é tarefa simples equilibrar as receitas e despesas.

Especialmente quando se vê perante compromissos financeiros de maior importância.

Pois, buscando adquirir seu patrimônio, acabou se tornando refém de contratos abusivos.

É comum desejar uma qualidade de vida melhor. Afinal, é a retribuição esperada após vários anos se qualificando e trabalhando em busca dos objetivos.

Por isso, ver grande parte do seu esforço ir direto para o caixa dos bancos na forma de juros causa uma aguda frustração. E ainda pior:

  • dificuldades no relacionamento familiar;
  • ansiedade e abalo na auto-estima;
  • falta de motivação para cuidar da forma física;
  • problemas decorrentes de noites mal dormidas;
  • não encontrar satisfação nas suas atividades diárias;

Por isso, leia até o fim para entender os 4 passos para melhorar a sua vida financeira!

Por onde começo a organizar minha vida financeira?

Acredito que no momento sua principal pergunta é:

  • Existe saída para essa ciranda financeira?
  • Posso conquistar um patrimônio sólido sem ter que abrir mão dos momentos felizes ao lado daqueles que amo?
  • Consigo me organizar de maneira simples, sem viver o tempo todo preocupado com dinheiro?

A boa notícia é que chegou a hora de ter respostas para essas e outras aflições.

Neste artigo, reunimos especialmente para você dicas importantes para colocar em prática imediatamente e se livrar das dificuldades financeiras.

Portanto, leia até o fim com a mente aberta para absorver conceitos que até já pode ter visto em outros lugares, mas que estruturados de uma maneira clara, trazendo exemplos reais, vão ajudá-lo a atingir o nível de realização e bem estar que deseja para sua vida.

Como melhorar a sua vida financeira em 4 Passos Simples

1. Fazer um levantamento de entradas e saídas

Ao se deparar com dificuldades financeiras, a primeira saída que a maioria das pessoas enxerga é ganhar mais dinheiro.

Isso gera grande ansiedade, que pode levar a decisões equivocadas.

Por exemplo, fazer com que o profissional fique insatisfeito com o próprio emprego por causa do salário, ou que o empreendedor não dê um bom atendimento a determinado cliente com ticket baixo.

Posturas assim envenenam seu cotidiano e, ao contrário de ajudar, podem piorar muito a situação.

Todavia, não é bom querer ganhar mais? Você deve refletir que mais importante ainda é o equilíbrio entre o que recebe e aquilo que gasta.

Pense em uma caixa d’água com um registro de entrada e outro de saída.

Quando entra mais líquido do que sai, ela ficará repleta, mesmo que seja a conta-gotas.

Por outro lado, de nada vai adiantar um grande volume de água na entrada se a saída for ainda maior. A caixa se manterá vazia.

Muitas pessoas ficam em dúvida sobre qual ferramenta utilizar para seu controle financeiro pessoal: aplicativos em nuvem, planilhas, são muitas opções.

Mas as duas principais ferramentas que você deve ter em mente são: organização e disciplina.

Com elas, até mesmo o velho caderninho de anotações vai trazer ótimos resultados!

2. Verificar dívidas existentes

Hoje é bem difícil que a rentabilidade de qualquer investimento seja superior aos juros cobrados pelos bancos.

Caso contrário, o endividamento seria um caminho natural para ganhar mais dinheiro.

Mas encarando a realidade tal como é, se você possui dívidas com juros, essa deve ser a prioridade em sua vida financeira.

Comece avaliando cautelosamente os contratos que assinou e solicite a seu gerente um demonstrativo de evolução da dívida.

De posse dessas informações, vale a pena consultar uma consultoria especializada.

Você ficará surpreso ao perceber que consegue renegociar e obter novas condições bem mais favoráveis para honrar seus compromissos.

Para reestruturar sua posição, avalie se vale a pena sair de investimentos e até mesmo a venda de algum patrimônio. Ouvindo quem entende do assunto, você terá mais segurança para tomar sua decisão.

3. Definir objetivos e prazos claros

Quais são os objetivos que realmente importam para você? Lembra o que respondeu o gato de botas no filme “Alice no País das Maravilhas“? Esta frase com certeza vai ajudá-lo a refletir sobre suas prioridades financeiras:

Se você não sabe onde quer ir, qualquer caminho serve.

Ao lidar com dinheiro, você sempre estará diante de escolhas. Por isso precisa ter clareza do que realmente faz sentido na sua vida para que tome decisões conscientes em relação ao seu dinheiro.

Assuma o controle do seu orçamento e não fique reagindo passivamente aos apelos da mídia. Caso contrário, vai ser conduzido pelas prioridades dos outros.

Portanto, tenha prazos bem estabelecidos para cada objetivo. A partir daí, calcule o valor que vai reservar a cada mês.

4. Cortar gastos de forma consciente

Em qualquer lugar, o conselho para organizar a vida financeira é sempre cortar gastos. Mas nosso propósito aqui foi mostrar a você como antes disso é necessário ter clareza dos seus objetivos mais importantes, identificar por onde seu dinheiro vem sendo drenado pelos juros e como equilibrar despesas e receitas.

Agora sim, com um rumo bem definido, seu foco não será o sacrifício em abrir mão de algo, mas sim a alegria de estar mais perto daquilo que realmente tem importância na sua vida.

Será mesmo que precisa consumir somente produtos de marcas famosas e usar roupas das melhores grifes? É mais importante desfrutar a companhia a seu lado ou o restaurante que você vai? Uma boa foto no Instagram vale mesmo tanto assim? Do que você está disposto a abrir mão por algumas curtidas de pessoas que você sequer conhece?

Como colocar isso em prática?

Seguindo os 4 passos que apontamos acima, será possível enquadrar as despesas dentro do seu orçamento.

O segredo para isso é identificar ações que ajudem a melhorar sua vida financeira, como uma simples lista de compras antes de ir ao supermercado.

Ou ainda tarefas mais complexas, como uma ampla reestruturação de suas dívidas.

E para colocar em prática tudo aquilo que aprendeu, é fundamental ter o envolvimento de todos que estão ao redor.

Seus familiares e amigos precisam ser informados das suas prioridades financeiras para que possam ajustar suas expectativas em relação ao consumo.

Mas no fim do processo, vem a realização dos sonhos. E você vai se sentir pleno e agradecido por tudo aquilo que conquistar na sua vida.

Por isso, comemore cada meta alcançada e desfrute a felicidade de estar no controle do jogo. O universo está pronto para aplaudir o seu sucesso!

Gostou das dicas para melhorar a sua vida financeira? Então deixe seu comentário dizendo como cada passo apresentado pode ser colocado em prática no seu cotidiano.