consulta no CPF

Saiba como fazer consulta no CPF para ver se o nome está sujo

Posted on Postado em Nome Sujo

A falta de planejamento e a dificuldade de colocar as contas em dia podem fazer com que muitas pessoas fiquem endividadas, ou seja, com o nome sujo. Uma boa forma de ter certeza de que há pendências financeiras a serem resolvidas é fazer uma consulta no CPF.

Assim, uma pessoa saberá se está com os pagamentos regularizados ou inscrita no cadastro de inadimplentes. Quando alguém está com o CPF negativado, enfrenta dificuldades para conseguir empréstimos e alugar um imóvel. Basta apenas um pagamento em atraso para o cidadão ficar com o nome sujo.

Com a intenção de ajudá-lo a ter mais controle das finanças, vamos mostrar alternativas para consultar o CPF de forma simples e rápida. Confira!

Conheça os principais cadastros

No Brasil, as 3 principais fontes para confirmar se as contas estão em dia são: a Serasa; o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e o Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). Em todas, é possível fazer consulta do CPF pela internet. Vamos mostrar como isso pode ser feito em cada uma delas.

Serasa

Possibilita consultar a situação do CPF de forma online e gratuita. Para isso, é necessário se cadastrar no site Serasa Consumidor. Na página principal, o internauta digita o CPF e vai para uma tela para informar dados pessoais como:

  • nome completo;
  • data de nascimento;
  • número do telefone celular;
  • e-mail; e
  • nome da mãe.

Também é necessário criar uma senha e aceitar as condições impostas pela Serasa para ter acesso ao serviço. A consulta também pode ser feita pelo aplicativo Serasa Consumidor, que tem versões gratuitas para Android e iOS.

Nas ferramentas, o cidadão pode verificar o nome da instituição credora e o motivo que o levou à inadimplência (não pagamento de prestação, cheques sem fundos, títulos protestados etc.). Caso a empresa credora participe do programa Limpa Nome Online, a dívida pode ser negociada pelo site da Serasa.

O consumidor ainda pode comparecer a uma das agências da Serasa para fazer a consulta de graça. No local, deve apresentar o CPF e um documento de identificação com foto (RG, carteira de motorista ou de trabalho).

Boa Vista SCPC

Responsável por administrar o cadastro do SCPC, a Boa Vista Seguros inovou ao permitir que o cidadão verifique gratuitamente pela internet se está com o nome sujo.

É necessário fazer um cadastro no site para ter uma senha e visualizar os dados. O usuário tem informações sobre o credor e o valor do débito. Além disso, pode negociar a dívida online.

Os moradores de São Paulo podem fazer essa consulta de graça em um dos postos da Boa Vista Serviços, apresentando o CPF e um documento de identificação com foto.

SPC Brasil

Para verificar se está ou não com o nome sujo gratuitamente, o cidadão deve se dirigir a um dos postos de atendimento do SPC com carteira de identidade e CPF. Ele também pode fazer a consulta por meio de procuração. Nesse caso, o procurador deve estar munido com os documentos originais do consumidor ou as cópias autenticadas.

Para evitar problemas com a procuração, o indicado é obter informações no posto de atendimento sobre a necessidade de cumprir algum requisito, como reconhecer firma em cartório. Se quiser fazer a consulta no CPF pela internet, é cobrada uma taxa pelo serviço, que custa no mínimo R$ 9,90.

Tenha mais agilidade ao fazer a consulta no CPF

Com a expansão da internet banda larga e uma maior sofisticação dos celulares, o cidadão pode utilizar vários aplicativos para constatar se está ou não com o nome sujo. Pensando nisso, vamos apresentar 4 aplicativos gratuitos em que é viável fazer uma consulta no CPF:

1. Guia Bolso

É um app que ajuda o usuário a fazer um controle mais eficiente das finanças. Para isso, possui um recurso chamado Radar CPF, responsável por permitir a análise de algum débito cadastrado no SCPC. O aplicativo possui versões para Android e iOS.

2. App Consulta CPF/CNPJ

O aplicativo permite não apenas consultar o relatório completo das informações do usuário na Serasa Experian, mas também checar a situação do CPF na Receita Federal. O app pode ser baixado em versões para Android e iOS.

3. Pessoa Física

O app é da Receita Federal e conta com alguns recursos para as pessoas físicas, como:

  • consultar a situação do CPF;
  • verificar a possibilidade de restituição do Imposto de Renda;
  • calcular o imposto mensal e anual; e
  • tirar dúvidas relativas ao imposto de renda.

O aplicativo pode ser baixado no Android e no iOS.

4. Consultar CPF Grátis

Com rapidez, o usuário pode verificar se está com o nome sujo. Por contar com um layout simples, o app é bastante intuitivo e informativo. Ele está disponível somente em smartphones com Android.

Entenda a importância de estar com o nome limpo

Ter problemas financeiros é sempre complicado, principalmente num momento de crise econômica. Ao verificar que não está com o nome sujo, o cidadão pode planejar melhor os investimentos.

Por exemplo: imagine que um casal pretende ter um filho, mas reside em um apartamento de um quarto. Nesse caso, vai querer se mudar para um imóvel maior. Então, provavelmente precisará de um empréstimo imobiliário para adquirir a casa própria.

Caso esteja com o CPF negativado, não será possível fazer um financiamento bancário, crediário em lojas e compras no cartão de crédito.

Veja como agir quando estiver com o nome sujo equivocadamente

Mesmo uma pessoa muito organizada pode ser incluída erroneamente no cadastro de inadimplentes. Isso pode acontecer por uma série de motivos, como:

  • erros no cadastro de uma empresa;
  • o devedor ter o mesmo nome da pessoa que originou o débito; e
  • fraude que pode ser feita por organizações credoras ou por golpistas.

Se o consumidor nunca fez uma compra no estabelecimento responsável pela dívida, a recomendação é entrar em contato com a empresa e solicitar a exclusão do cadastro. Quando o cliente já quitou um débito e continua com o CPF negativado, o nome dele deve ser retirado da lista de maus pagadores em até cinco dias, segundo o Código de Defesa do Consumidor.

No caso de fraudes, é indicado também fazer um boletim de ocorrência e contar com a assistência de um advogado, caso seja necessário entrar com uma ação por danos morais e materiais.

Se você tem dúvidas sobre como fazer uma consulta no CPF ou bons exemplos sobre como gerenciar as finanças, deixe agora mesmo o seu comentário neste post. Afinal, compartilhar experiências nos ajuda a adquirir mais conhecimento!