Como fazer uma negociação amigável

Como fazer uma negociação amigável para revisão de juros?

Posted on Postado em Financiamento de Veículos

Como fazer uma negociação amigável para revisão de juros? Se você está se sentindo sufocado com suas contas e mesmo trabalhando muito não sobra nada no final do mês, saiba que a sua situação pode mudar!

Às vezes uma simples análise das finanças pessoais pode ajudar a encontrar uma forma de melhorar a sua saúde financeira.

Se você ouviu dizer que estão reduzindo absurdamente juros e parcelas, fique atento!

Sempre desconfie dessas ofertas, pois não existe milagre para revisão de juros, e na pior das hipóteses, você pode estar caindo em um golpe de financeiras!

Como os especialistas dizem, a chamada “matemágica” comprovadamente não existe, mas a matemática existe e pode ser uma solução para os seus problemas.

Continue a leitura deste post e entenda em 4 passos como começar o ano novo com saúde financeira:

  1. faça uma planilha com todas as entradas e saídas;
  2. fuja da lista negra;
  3. analise e veja o que pode ser eliminado das suas dívidas;
  4. faça a análise e revisão de juros.

Como fazer uma negociação amigável? Por onde começar?

Para evitar que a situação se torne uma bola de neve, você deve começar pelo planejamento.

A base do planejamento é a definição dos prazos e das metas, mas antes disso você terá que se autoconhecer financeiramente — o que significa saber quais são seus gastos e seus recebimentos.

Sua primeira ação será elaborar uma planilha com o seu orçamento mensal.

Isso pode ser feito até mesmo em um caderno.

Você deverá registrar todos os valores de entradas (salários e outros valores a receber) e saídas (que são todas as contas a pagar, as despesas do mês).

Até mesmo o cafezinho e o presente de aniversário de um ano da sua sobrinha devem entrar para essa conta. Não é exagero, é controle!

Com essa planilha feita, você deverá subtrair do valor das entradas o valor das saídas.

É importante que você consiga obter com essa conta um saldo positivo.

Se o saldo for negativo, você está no vermelho, o que significa que você está gastando mais do que recebendo.

Essa situação é impraticável e exige mudanças urgentes!

Se o saldo é positivo mas está muito apertado, então o melhor a fazer é uma revisão de todas as suas despesas para ver se tem alguma que pode ser excluída.

Quase sempre é possível encontrar flexibilidade nos gastos.

Lembre-se que é recomendável ter uma reserva de emergência.

Normalmente é apropriado poupar cerca de 10% do salário todo mês para situações não esperadas.

Se o problema é que você se envolveu com juros e parcelas que não está conseguindo pagar, é preciso procurar uma negociação extrajudicial para revisar seu contrato de financiamento.

Quando o assunto é saúde financeira, um aspecto que atrapalha qualquer pessoa que queira estar de bem com a vida é o chamado “nome sujo”.

Como fugir da lista negra?

Estar com o “nome sujo” dificulta o seu crédito. Sendo assim, uma das ações mais importantes é evitar entrar na lista negra do cenário financeiro.

Ou seja, é essencial que você mantenha o seu nome limpo. Se ele estiver sujo, sua prioridade deve ser a quitação ou o parcelamento dessa pendência.

Mas não se desespere! Se você está nessa situação e precisa com urgência fazer um empréstimo, existem algumas alternativas.

De qualquer forma, é primordial tentar limpar o seu nome.

O que pode ser eliminado das dívidas?

A palavra de ordem é simplificar! Se ao longo da vida você foi adquirindo bens parcelados e com eles vieram os juros altos, você precisa fazer uma revisão para analisar o que você realmente precisa e eliminar o que é supérfluo.

Pode ser que você não precise de três carros. Uma boa alternativa seria vender os veículos e tentar comprar apenas um mais popular à vista.

Quantos cartões de crédito você mantêm? O cartão de crédito merece atenção especial.

Ele proporciona uma falsa ilusão de que os recursos financeiros são ilimitados — principalmente quando o limite é alto.

Mas lembre-se: você terá que pagar tudo em um futuro bem próximo, então a melhor atitude a se tomar é eliminar os cartões de crédito e ficar com apenas um.

O critério de escolha deve ser pela menor anuidade, e não pelo limite mais alto.

Se o problema realmente estiver nos juros, então a sugestão é que você busque uma consultoria para auxiliá-lo na revisão dos juros.

Como fazer a análise e revisão de juros?

A gente sempre aprende que não se deve assinar nada sem antes ler.

Essa é uma tradição que muitos esquecem em certos momentos, principalmente na hora de assinar um contrato para conseguir um bem que você há muito tempo desejava.

Esse conselho aparentemente simples é muito importante para evitar cláusulas e juros abusivos.

Os juros abusivos ocorrem quando são cobrados valores em desacordo com o mercado dentro de um período.

Se você não entende ou não sabe identificar essa prática, é aconselhado que procure uma consultoria.

Entrar pela via judicial deve ser a última escolha para você que deseja resolver o mais rápido possível essa situação.

A consultoria é uma alternativa simples e eficaz. Esse tipo de empresa pode ajudar fazendo uma análise e revisão criteriosa das cláusulas do contrato de financiamento.

Essa análise tem como objetivo reduzir ou eliminar uma dívida.

Com a análise contratual os consultores identificarão se você está pagando juros abusivos, além de prestar orientações sobre como você deve agir nessas situações e como evitar problemas com busca e apreensão do veículo.

É importante que você nunca pare de pagar as parcelas ao banco, pois além de gerar mais juros, isso pode acarretar na busca e apreensão do seu veículo.

E pagar por um bem que está em posse do banco ou de uma financeira é o pior dos cenários.

Após seguir essas dicas, você estará se sentindo mais aliviado em relação às suas finanças pessoais e pronto para um ano novo com mais equilíbrio.

Se precisar de uma revisão dos juros, já sabe que pode contar com uma consultoria!

Às vezes a solução não está em ganhar mais, mas em controlar mais.

Ser organizado com suas contas, estabelecer as suas metas pessoais e aguardar o momento mais oportuno para comprar é sempre o mais confortável.

Agora que você já sabe como fazer uma negociação amigável para a revisão de juros, compartilhe este post nas redes sociais e ajude outras pessoas!