Financiamento do Seu Veículo

Financiamento do Seu Veículo: Descubra as Melhores Maneiras de Planejar Seus Custos!

Posted on Postado em Financiamento de Veículos

Aprenda a se organizar antes de fazer o financiamento do seu veiculo! Esse assunto é de extrema importância e tenho certeza que vai te ajudar!

Na atualidade, algumas situações são responsáveis por nos fazer adquirir um transporte. Por esta razão escrevi este artigo, justo para que você descubra as melhores maneiras de planejar seus custos no financiamento do seu veículo!

E você saberia me dizer exatamente quais algumas dessas situações ou razões para te forçar a ter um veículo próprio?

Certamente que a primeira situação é que o mundo tem se tornado cada vez urbanizado, e com isso as cidades têm crescido bastante. A segunda situação tem tudo a ver com a primeira. É que com as cidades grandes, aumenta-se a necessidade e o desafio de se locomover.

E a gente sabe que o veículo de utilidade própria é certamente uma maneira segura de se tornar livre, além de ser bem mais cômodo e confortável, em especial quando se compara com os transportes públicos.

 

Problemas Comuns Para se Organizar Financeiramente

 

Infelizmente o ser humano tem a tendência natural de não se organizar financeiramente, por esta razão é que a gente precisa escrever sobre isso sem parar.

Porém, você deve frear os instintos para não cair nas armadilhas do endividamento que só tende a crescer a cada dia.

Saiba que existem gatilhos em nosso viver. Alguns deles e que se encaixam perfeitamente no tema deste artigo é necessidade das pessoas e o instinto. É justamente baseado nisso que os anúncios são desenvolvidos.

Observe que esses anúncios que visam forçar você a comprar algo, sempre são eficazes pois acionam os gatilhos da necessidade e do instinto do ser humano de adquirir cada vez mais coisa.

Diante disso, cabe destacar que é possível você superar esses tantos anúncios sem cair na dívida, e até financiar seu veículo de uma forma que cabe bem em seu bolso. Porém para tanto, é preciso ter disciplina, de modo que os instintos sejam controlados.

 

Identifique Suas Reais Necessidades

 

Para controlar instintos e impulsos, é preciso disciplina e tranquilidade para poder identificar, de fato, o que é e o que não é necessidade para você. É preciso saber o que é necessidade e o que é vontade.

Isso não é fácil de ser colocado em prática, afinal, somos seres humanos com alto instinto de adquirir cada vez mais coisas, e sempre nos baseamos por nossas emoções.

Porém, para adquirir aquele tão sonhado carro, fazer aquele financiamento de veículo, é preciso disciplinar-se financeiramente. Isso será positivo até mesmo para outras vertentes de sua vida, certamente que você irá perceber isso com facilidade!

Lembre-se de ser consciente no consumo, independente do que vai comprar, seja, por exemplo, um item pequeno e de baixo valor financeiro, até um imóvel ou veículo, que são itens mais caros e de maior valor.

 

Entenda o Que Significa Economia

 

Falar de economia não é fácil, mas nesse artigo não se pretende explicar os vai e vem da economia ou mesmo tratar essa questão como se trata nas universidades.

Na verdade, é algo mais, apenas para chamar sua atenção para entender e focar na economia como uma forma de gastar menos e somente naquilo que de fato você precisa.

Geralmente as pessoas têm uma ideia deturpado desse conceito. Mas, entenda que qualquer economia, pode ser de cinquenta centavos, isso já estará valendo, principalmente se pretende atingir, ou seja, realizar um grande sonho, como o de adquirir liberdade com o seu próprio veículo.

Pensando assim, procure criar o hábito de guardar alguma garna, mas não exatamente debaixo do colchão, ou até mesmo na poupança. Você poderá reservar dinheiro mensalmente para investir e lucrar com isso.

 

Fazendo um Planejamento de Custos no Financiamento

 

Você deve se perguntar se já está preparado para começar um planejamento financeiro para adquirir carro por meio do financiamento. Com esta resposta em mente, comece desenvolvendo sua disciplina.

A ideia é disciplinar as suas emoções e instintos e saber diferenciar entre compra impulsiva e compra por necessidade. Assim, você controlará mais facilmente os impulsos.

Dessa forma, o planejamento financeiro propriamente se tornará algo primordial em sua vida financeira, e até mesmo nas questões pessoais.

 

Quando Você Deve se Planejar?

 

Saiba que qualquer hora é a ideal para começar o seu planejamento com vistas a reduzir os custos no financiamento do seu veículo. Isso porque para se ter sucesso em algo, sempre é bom se antecipar.

Não importa seu estilo de vida, seus ideais ou sua idade, sempre estará diante da grande oportunidade de começar agora mesmo a se planejar financeiramente.

 

Faça a Verificação de Coerência Entre Veículo e Renda

 

Primeiramente entenda que deve existir coerência entre suas condições financeiras com o veículo que pretende adquirir. E nisso não importa a forma como queira comprar o carro.

Assim, tenha ciência da sua capacidade de pagar, e pense nos custos que virão ao adquirir um veículo. Saiba que estes vão além do pagamento das parcelas do financiamento.

Por exemplo, considere os impostos a serem pagos, os combustíveis, os valores gastos em manutenções preventivas, etc.

 

As Formas de Pagamento

 

Um detalhe muito importante no planejamento de seus custos no financiamento do veículo, certamente é a forma de pagamento. Será que você sabia disso?

Entenda que cada forma de pagamento possui suas influências, e também geram seus próprios custos. Para entender isso, basta pensar no pagamento com o cheque especial, com o cartão de crédito ou de débito, ou até mesmo o pagamento à vista.

Certamente que as formas utilizadas vão interferir de alguma forma, seja positiva ou negativamente, na tentativa de quitar a dívida. Veja a seguir algumas considerações sobre isso.

 

O Pagamento à Vista

 

À vista é a melhor opção, porém é a menso utilizada em casos de aquisição de veículo. Pagar integralmente ali na hore em que recebe é o bem, certamente é o sonho de qualquer pessoa.

Com este tipo de pagamento você, com certeza, receberá descontos da financeira, o que reduzirá o valor total do bem. Além disso, não ficará travado ao longo de meses pagando prestações.

 

Pagando em Forma de Consórcio

 

Outra forma bastante usual para adquirir o veículo é através de consórcio. Nessa modalidade, é criado um grupo de pagantes, e todos os meses acontece uma ou mais contemplações por sorteio.

Porém, esta modalidade pode não ser vantajosa que esteja precisando do bem o mais rápido possível. Em alguns casos, é possível que passe o período inteiro do consórcio e venha a ser contemplado apenas na última parcela.

 

Fazendo um Financiamento

 

Das três formas citadas, esta é a mais utilizada, sendo o foco deste artigo. Aqui no Brasil, as pessoas costumam fazer o financiamento para adquirir um crédito no valor do veículo.

A questão é que você poderá passar meses e mais meses para quitar esse financiamento, e ainda poderá ser uma vítima dos juros abusivos.

Para esta forma é inteligente pensa em acumular uma parte de dinheiro para dar d entrada. Também é interessante cuidar da sua saúde financeira, especialmente nas relações com o mercado.

A verdade é que existe uma pontuação que as instituições financeiras para conceder ou não os empréstimos. É o que chamamos de score, e ele é maior quanto mais você se relaciona bem com o mercado financeiro.

 

Planejando Seus Custos de Financiamento do Seu Veículo

 

Na sequência vou passar as 8 dicas essenciais para você fazer seu planejamento de financiamento e adquirir seu veículo. Claro que outras dicas poderão se consideradas, estas são algumas que julgo mais importantes.

Vale lembrar que essas dicas também podem ser aplicadas em outras situações de sua vida, seja no mundo profissional, pessoal ou relativos a seu patrimônio, ou seja, para realização de outros sonhos.

Conheça na sequência essas dicas e comece agora mesmo a aplicar uma por uma em sua estratégia para adquirir um veículo próprio por meio de financiamento.

 

  1. Verifique Quanto Ganha e Quanto Gasta

 

Você precisa se familiarizar com as planilhas, sejam eletrônicas ou em papel. Isso mesmo, você poderá lançar seus ganhos e gastos na folha de papel do seu caderno, ou ainda, em seu note ou smartphone.

 

Existem algumas opções de aplicativos, como o Mobills, que é voltado para todos os smartphones.

 

  1. Controle Seus Instintos

 

Outra dica que é uma das melhores maneiras de planejar seus custos no financiamento o seu veículo é controlar os seus instintos. Pense sempre na finalidade daquilo que você está impulsionado a comprar.

Procure ser mais minimalista, de modo que evite custos desnecessários, especialmente de objetos que você não está precisando no momento.

Outra ideia é de que você vá aos locais onde irá comprar, mas sempre com a mente focada exatamente naquilo de que precisa.

 

  1. Faça Comparação de Valores

 

Com o advento da internet, as comparações de preços de cada item ficaram ainda mais fáceis. Você nem precisa sair se deslocando de loja em loja procurando os preços mais baixos.

Já existem sites especializados em comparações de preços de produtos e serviços. Por exemplo, eu cito o Zoom e o Buscape.

 

  1. Saiba Utilizar Seu Cartão de Crédito

 

É até possível você adquirir o veículo utilizando seu cartão de crédito, mas o que chamo sua tenção é para a necessidade de saber utilizar inteligentemente o seu cartão de crédito.

Além disso, vale o destaque que quando utiliza o cartão de crédito, então sua pontuação no score aumenta. Isso facilita sua vida financeira dentro do mercado.

Certamente que conseguirá conseguir empréstimos e financiamentos com mais agilidade.

 

  1. Adeque Sua Renda ao Seu Padrão

 

Infelizmente as pessoas têm o instinto de ostentar, mesmo sem ter condições para isso. Saiba que agir assim é o mesmo que se autodestruir e entrar em um mundo que só existem dívidas e nada mais.

A ideia é que você seja sensato e mude seu comportamento. Procure aproveitar as oportunidades que possui para que possa aumentar seu padrão de vida, mas nunca meta os pés pelas mãos. Respeite seu padrão atual.

 

  1. Adote um Padrão

 

Pense que 50% dos seus ganhos devem ser direcionados a todos os gastos que você não pode tirar de seu orçamento. Por sua vez, 35% dos ganhos aplique no seu atual padrão de vida, e o que resta, ou seja, os 15% coloque aplicado naquilo que é prioridade.

Os gastos imprescindíveis são aqueles relativos à saúde, como os planos de saúde, a alimentação, à moradia, à educação e outros dessa mesma natureza.

 

  1. Estabeleça Metas

 

Qualquer caminho é suficiente para pessoas que não sabem para onde pretendem ir. Isso é fatalmente aplicado para quem também não se autodisciplina financeiramente.

Quando não se tem objetivos e metas, então qualquer economia feita não terá tanta validade ou aplicação. Mude essa ideia e passe a registrar suas metas, envolvendo os ganhos e gastos.

Quando você consegue visualizar seus objetivos e metas, então tem como se preparar para o futuro.

A ideia é que crie metas de ganhos e de gastos, preferencialmente mensais. Inclua o pensamento de poupar, assim você conseguirá chegar mais perto e até mesmo alcançar o sonho de financiar o veículo próprio.

  1. Faça a Adequação de Seu Planejamento Com as Metas Traçadas

 

A ideia é que comece seu planejamento em conjunto com as metas e objetivos traçados. Pense no seu poder de compra e padrão financeiro atual.

Considere, ainda, as formas de pagamento, questão esta que falei em itens anteriores. Por exemplo, se quer ter seu próprio carro, então foque na forma como irá pagar o seu financiamento.

Se já possui um bom valor para dar de entrada, então um consórcio com poucas prestações e baixos juros pode ser o ideal. Agora, se não possui muito dinheiro em caixa, o financiamento por CDC pode ser a pedida do momento.

Em qualquer caso, tome cuidado com as armadilhas que os bancos comumente aplicam nos contratos que assinam com as pessoas. Aqui no blog escrevi um artigo especificamente para te mostrar quais são as principais armadilhas utilizadas pelas instituições financeiras.

Vamos Relembrar Que Armadilhas São Essas?

 

É sempre bom conhecer as principais taxas administrativas e de juros que as instituições financeiras costumam embutir nos contratos de financiamento de veículo. Conheça:

 

  1. Venda casada
  2. Taxa para novo cadastro
  3. Serviços de terceiros
  4. Taxa para registro de contrato
  5. Seguro prestamista

 

Em 90% dos casos, os encargos cobrados desta forma vão encarecer grandemente o custo do seu financiamento total. Mas, isso não ficará tão aparente assim, é por isso que eu falo em armadilha.

A verdade é que os bancos são experts na enrolação, na criação de armadilhas para pegar clientes despercebidos e desinformados.

Destaco que é muito comum encontrarmos nesses contratos de financiamento de veículos a gente encontrar:

 

  • As taxas de juros embutidas nos contratos
  • As taxas podem estar acima da média estabelecida pelo Bacen
  • A planilha CET não é disponibilizada pelo banco

 

Veremos com mais detalhes sobre esta questão. Me acompanhe!

 

As Taxas Embutidas em Contratos

 

O que acontece comumente é que os bancos escondem as taxas de juros nos contratos. A instituição financeira até pode cobrar juros, então porque elas escondem?

As instituições fazem isso simplesmente porque cobram juros abusivos em seu contrato. E como essa ação é ilegal, a saída que inventaram é aplicar a armadilha de esconder essas taxas em algumas cláusulas.

 

Taxas Acima da Média Nacionalmente

 

O Bacen, que é o Banco Central, divulga regularmente a média das taxas de juros que as instituições financeiras praticam no mercado nacional. Isso deve servir de base para as negociações com o banco.

Porém, nem sempre os bancos agem assim, e então decidem aplicar taxas acima da média nacional. Isso é crime, principalmente sabendo que essas instituições aplicam na forma de armadilha, só para enganar o consumidor.

 

Os Bancos Escondem a Planilha CET

 

A planilha CET é imprescindível para você que está buscando as melhores maneiras de planejar seus custos no financiamento do seu veículo. Certamente que você deve nesse planejamento saber exatamente quanto ira dever o banco ao adquirir o financiamento.

Esta planilha contém o custo efetivo total da transação financeira que você fará com o banco. Neste documento será possível descobrir quanto de juros irá pagar ao banco quando financiar o carro.

 

Não Planejou e Caiu Nas Ciladas do Banco? Veja o Que Fazer!

 

Em situações que uma pessoa não conhece as maneiras para planejar os custos do financiamento, ou que desconhece as armadilhas do banco, é possível que se veja em “maus lençóis” depois de alguns meses que fechou o contrato com o banco.

Se estiver nesta situação, minha primeira dica é que não se desespere, pois ainda existe salvação. Quer saber como é possível resolver esta questão? Continue me acompanhando para descobrir!

 

Resolvendo com processo extrajudicial

Você já ouviu falar em ação ou processo extrajudicial? Calma porque não é nenhum bicho de sete cabeças! È algo muito simples que a Mais Credit Consultoria consegue fazer para você.

Primeiramente entre em contato conosco e solicite a análise de seu contrato. È isso mesmo, só a partir de uma análise apurada de cada cláusula do seu contrato é que será possível sabermos como negociar com o banco.

Se descobertas as taxas de juros abusivas, um cálculo revisional será feito e o banco deverá conceder descontos que varia de 20% a 80% para que você possa quitar seu contrato.

Não perca tempo e nem esta oportunidade! Solicite agora mesmo a análise gratuita de seu contrato de financiamento e saia de uma vez por todas desse problema de juros abusivos que tira o seu sono!

 

Fale Com a Mais Credit!

Ligue agora gratuitamente e fale com nossos consultores. Estamos prontos para atender você e apresentar uma solução para o seu caso!

Nosso número é o 0800 580 0910. Você liga gratuitamente e ainda solicita inteiramente grátis a análise de seu contrato!